Grande empreendedor chinês pretende lançar concorrente blockchain do Uber

0 Comentários

Chen Weixing, CEO do desenvolvedor de aplicativos Funcity e fundador do aplicativo chinês Kuaidi Dache, revelou planos de construir um app para compartilhamento de passeios baseado em equivalente ao Uber.

A nova plataforma, anunciada no domingo em um anúncio pós-evento após a 2018 Guiyang BigData Expo, será desenvolvida em parceria com Yang Jun, co-fundador da Meituan, um dos maiores aplicativos de desconto para grupos na , segundo um post do WeChat.

Segundo a China Money Network, o empresário disse:

“é a primeira vez que a blockchain será testada em uma aplicação social em larga escala.”

Embora ele não tenha divulgado qual plataforma blockchain seria usada para desenvolver o aplicativo ou como ele pretende combater os problemas de escalabilidade da blockchain, o novo projeto de Chen é notável, dado seu histórico no desenvolvimento de aplicativos em torno do caso de uso do passeio.

Leia também  A China não vai parar o Bitcoin: entenda por quê

Fundada por Chen em 2012, Kuaidi Dache decolou instantaneamente na China para concorrer com outro aplicativo chamado Didi Chuxing.

Ambos apoiados por capital de risco e gigantes da Internet como Tencent e Alibaba, os dois entraram em uma guerra comercial amarga, subsidiando os preços até que se fundiram em 2014 para se tornar o maior na China, mantendo o nome Didi Chuxing. Mais tarde, a empresa empurrou a Uber para fora da China através de uma aquisição.

Além disso, o plano de Chen de se mudar para o espaço blockchain não é totalmente surpreendente, já que ele tem sido um dos maiores investidores pró-blockchain na China.

De acordo com um relatório de fevereiro deste ano, Chen investiu em pelo menos uma dúzia de projetos de criptomoedas, incluindo algumas das principais plataformas de negociação, como Binance e Huobi.

Leia também  Criador da criptomoeda TRON manda recado para político venezuelano