Futuro da mineração na China é preocupação dos mineradores no país

2s Comentários

Cerca de 80% do poder computacional do bitcoin está na . O desligamento das exchanges afetou, de certa forma, a base da indústria de de bitcoin, já que muitos da criptomoeda estão considerando se devem deslocar suas máquinas para fora do país, de acordo com um relatório da thepaper.cn.

Em setembro, o banco central da China ordenou que as exchanges de criptomoedas do país fechassem e proibissem a negociação de moedas digitais para controlar os riscos financeiros.

Os departamentos de supervisão temerosos podem tomar medidas ainda mais rigorosas, com isso, os mineradores estão considerando mudar suas máquinas para outros países reduzindo assim as chances de perdas, embora que um membro do regulador financeiro tenha dito em setembro que o país ainda não implementou uma restritiva de mineração de bitcoins.

Leia também  Aberto a inovação, Quênia pode substituir dinheiro por criptomoeda nacional

Wu Xiang (nome fictício), um dos muitos investidores que buscam lucrar com a popularidade da moeda digital, disse que o valor de seus bitcoins valeria mais de 400 milhões de yuans (US$ 60 milhões) se ele não os tivesse vendido durante um período de flutuações de preços.

Wu, que possui mais de 10.000 máquinas de mineração no sudoeste da China, Sichuan, disse que o poder de computação de suas máquinas representa 0,5% do total do país.

“Vou levar minhas máquinas para outros países com recursos energéticos ricos, como a Rússia, a Ucrânia e os EUA”, disse Wu.

Ao contrário de Wu, outros proprietários disseram que vão esperar pra ver.

Liu Sang (nome fictício), disse que os mineradores não querem mudar seus negócios para fora do país. A eletricidade, o principal custo da mineração, custa menos na China, disse Liu, acrescentando que, em países estrangeiros, eles também enfrentarão riscos políticos incontroláveis.

“Mover tantas máquinas para o exterior leva muito tempo e esforço”, disse Liu, ressaltando que pelo menos 600 mil máquinas de mineração estão localizadas na China.

Outro minerador bitcoin se preocupa com o tempo gasto na estrada.

“Levaria meses para enviar tudo para outro país, e considerando a rápida atualização das máquinas de mineração, elas provavelmente se tornariam desatualizadas quando chegassem ao seu destino” disse ele.

Você acredita que uma possível proibição do governo Chines aos mineradores influenciaria o preço do bitcoin no mercado global? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.
_______________________________________________________________________________
Publicação Traduzida e Editada pelo Guia do Bitcoin
Matéria Original: http://en.people.cn/n3/2017/1109/c90000-929…

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: https://guiadobitcoin.com.br/feed/

[jetpack_subscription_form title=”Bitcoins no seu e-mail” subscribe_text=”Digite o seu e-mail” subscribe_button=”Quero receber” show_subscribers_total=”1″]