Fique Atento: Movimentação de 16 mil bitcoins nas carteiras da falida Mt.Gox

0 Comentários

16.000 bitcoins (cerca de US $ 141 milhões no preço atual) ligados a falida exchange MtGox foram “movimentados”, relatou a CoinDesk. De acordo com o site CryptoGround, que monitoriza o estado do saldo da exchange MtGox, os Bitcoins foram sacados em várias operações de 2000 BTC.

Todas essas movimentações estão sob o controle do advogado japonês Nobuaki Kobayashi, atuando como chefe do conselho de curadores da MtGox.

Informações adicionais mostram que todos os Bitcoin cash também foram movimentados num total de 16 000 BCH.

A MtGox suspendeu suas operações em fevereiro 2014 após o ex-CEO Mark Karpeles anunciar o roubo dos bitcoins. No entanto, de acordo com um relatório publicado em 2015 de um grupo de pesquisadores independentes, os Bitcoins desapareceram muito antes do colapso da exchange, entre 2011 e 2013.

Em março o administrador da MtGox disse que vendeu bitcoin e Bitcoin cash para recuperar os prejuízos dos usuários da MtGox, totalizando US $ 406,6 milhões. Ele disse que não concorda com a opinião de que a venda de uma grande quantidade de BTCs tenha um impacto tão grande que gere uma queda no mercado de criptomoeda.

Guia do Bitcoin

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

[jetpack_subscription_form title=”Bitcoins no seu e-mail” subscribe_text=”Digite o seu e-mail” subscribe_button=”Quero receber” show_subscribers_total=”1″]

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.