EUA abre as portas para nova geração de Bancos: Bitcoin e Criptomoedas

1 Comente

Agência reguladora dos bancos dos disse que a porta está aberta à ideia de que uma nova geração de bancos pode um dia realizar negócios com e outras criptomoedas.

Falando em um evento organizado pelo da Filadélfia nesta quinta-feira, , recém-nomeado diretor, encarregado de supervisionar todos os bancos nacionais, chegou a declarar publicamente que prevê um futuro em que as empresas envolvidas com Bitcoin possam ser concedidas “ charters” – licenças destinadas a simplificar a forma como as empresas iniciam negócios entre fronteiras estaduais.

Atualmente, as empresas de Bitcoin e os bancos precisam atender a uma complicada rede de regimes regulatórios em todos os 50 estados dos EUA, um ponto que dificulta a expansão que os defensores da indústria argumentaram limita severamente o crescimento inicial ao aumentar o custo da entrada no mercado.

Leia também  Bilionário Tim Draper sobre o Bitcoin: "Porque eu trocaria uma moeda do futuro por uma do passado?"

Ele disse aos participantes:

“Eu não seria contrário a aquelas pessoas que entram e conversam com o pessoal do gabinete da Controladoria da Moeda sobre como uma carta patente poderia ter sentido para eles. Mas esse é um longo processo que eles teriam que passar, e só porque você entra na porta não significa que você vai sair da porta do outro lado”.

Um advogado de longa data com uma história de trabalho no setor bancário, Noreika foi nomeado pelo presidente em maio deste ano. Na transição, ele herdou a proposta sobre as fintechs de seu antecessor, , que no ano passado revelou planos para criar uma única opção federal para atuar como uma espécie de substituto para as licenças estado a estado.

O Escritório da Controladora da Moeda foi criado em 1863 para ajudar a controlar as moedas do estado que estavam então enraizando e criar uma moeda nacional em seu lugar.

Leia também  Nos EUA, homem vai a tribunal por esquema pirâmide financeira com Bitcoin e pode pegar 20 anos de prisão

Consciente dos atuais deveres da Reserva Federal para supervisionar a moeda dos EUA, Noreika falou apaixonadamente sobre sua vontade de ouvir idéias inovadoras e ajudar a criar um ambiente em que possam crescer.

Ele disse:

“Eu não acho que seja minha posição como um funcionário do governo nunca dizer “não” a qualquer coisa, ou qualquer ideia, de qualquer americano que queira entrar e pedir ao governo um benefício”.

Otimismo cauteloso

Em geral, os comentários de Noreika vieram depois de horas de discussão em que os painéis não tinham qualquer menção à tecnologia de criptomoedas ou Blockchain. Mas isso mudaria imediatamente após a conversa, quando os resultados de três trabalhos de pesquisa sobre o assunto foram apresentados.

Compartilhando o otimismo cauteloso de Noreika, Evangelos Benos, um economista sênior do , que discutiu seu artigo publicado no mês passado, intitulado “A economia da tecnologia de razão contábil distribuída para liquidação de títulos”.

Leia também  Rede Lightning alcança a marca de 1000 Nodes

“Suas funções de custo são provavelmente muito pequenas, ou potencialmente zero”, disse ele, acrescentando:

“O que significa que seus custos médios vão estar em declínio. O que penso é um ponto importante, porque sugere que, potencialmente, não há limites econômicos para o tamanho dessa rede de liquidação de segurança”.

 

Fonte: Coindesk.com
Tradução: Guia do Bitcoin


É importante se manter informado todos os dias, siga nossos canais oficiais:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: https://guiadobitcoin.com.br/feed/

[jetpack_subscription_form title=”Bitcoins no seu e-mail” subscribe_text=”Digite o seu e-mail” subscribe_button=”Quero receber” show_subscribers_total=”1″]