Especialista afirma que Libra não sairá antes de 2023

1 Comente

O CEO do Ripple, Brad Garlinghouse, tornou-se a mais recente voz a afirmar que o futuro da Libra a curto prazo não é promissor. De acordo com ele, há diversas questões burocráticas e de regulação que estão trabalhando contra o Facebook. Consequentemente, sua opinião é de que a possibilidade a criptomoeda da rede social ser lançada antes de 2023 é cada vez menor, ao contrário do que seus idealizadores estão planejando.

A opinião de Brad

Uma das coisas que o CEO afirma é que, apesar da competência técnica que os responsáveis pela Libra tem, os entraves regulatórios para lançar a criptomoeda ainda neste ano são muito grandes. Desta forma, ele destaca que é muito pouco provável que o ativo do Facebook seja lançado ainda nesse ano ou a curto prazo. De acordo com sua opinião, a previsão mais realista indica que isto será possível entre final de 2022 e início de 2023.

Por outro lado, os executivos do Facebook seguem trabalhando arduamente para concretizar o lançamento da Libra o quanto antes. De acordo com as últimas notícias sobre o assunto, foi constatado que há progressos significativos de transição do ativo do testnet para o mainnet. Este é o passo mais importante para que a criptomoeda possa ser de fato utilizada e inserida dentro do criptomercado.

Os problemas que Garlinghouse enfrenta

Além de repercutir sua opinião a respeito do lançamento da Libra, Brad também está trazendo à tona algumas questões referentes ao relacionamento entre o Ripple e o XRP. Ambos os ativos estão em meio a um impasse devido às suas respectivas parcelas de mercado. Um exemplo que ilustra bem esse fato é que em 2019 os investidores do Ripple venderam a maior quantidade de suas reservas do que qualquer outro período antes da criação do XRP.

De acordo com Brad Garlinghouse, por um lado é importante que haja este movimento com relação com XRP, por se tratar de um ativo que faz parte das reservas do Ripple. Entretanto, ele destaca que é necessário atentar-se para a segurança e o equilíbrio dos dois ativos dentro do criptomercado, de forma que ambos tenham um espaço bem delimitado e possam encontrar suas respectivas oportunidades de desenvolvimento.

Ainda com relação a Libra

Uma das coisas que mais tem atrapalhado o lançamento do ativo é a incredulidade de certos investidores. Recentemente, o PayPal abandonou o projeto, o que trouxe mais instabilidade para sua concretização. Além disto, diversos países já declararam que é preciso que o Facebook dê garantias concretas sobre a Libra, o que coloca mais pressão sobre sua oficialização.

Fonte: Bitcoinst.

Veja também: Josh Rager explica porque o Bitcoin pode subir em breve

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.