Bilionário do Google: “Ethereum é uma plataforma poderosa e potencial não foi explorado ainda”

0 Comentários

eric-schmidt

O bilionário Eric Schmidt, ex-presidente do Google, é um entusiasta de bitcoins e blockchain que disse que o Ethereum poderia ser uma “plataforma poderosa” cujo potencial inexplorado está fora dos gráficos.

Schmidt: “Ethereum tem maior potencial”

Schmidt fez as declarações durante um evento ao vivo com o economista Tyler Cowen, apresentado pela Village Global em San Francisco. Quando perguntado se ele achava que blockchain era superestimada ou subestimada, Schmidt deu uma resposta composta.

Aprenda a comprar Ethereum no Brasil.

“No formato público, superestimado. Em seu uso técnico, subestimado”, disse ele (vídeo abaixo). “Hoje, blockchain é uma ótima plataforma para bitcoins e outras moedas. E é uma ótima plataforma para transações bancárias privadas em que as pessoas não confiam umas nas outras.”

Schmidt acredita que desenvolvimentos interessantes estão ocorrendo com o ethereum que poderia revolucionar os negócios e a sociedade.

“Acho que as coisas mais interessantes que estão acontecendo são o começo da execução no topo do blockchain – o exemplo mais óbvio é a capacidade do ethereum”, disse Schmidt. E se o Ethereum conseguir descobrir uma maneira de fazer a sincronização global dessa atividade, essa é uma plataforma bastante poderosa. Isso é realmente uma nova invenção.

Essa é uma avaliação otimista que o co-fundador da Ethereum, Vitalik Buterin, sem dúvida, compartilha.

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.