Epidemia Bitcoin: As 10 cidades onde o Bitcoin é uma febre

6s Comentários

Com o atingindo novos recordes de preços todos os dias, as pessoas em cidades ao redor do globo estão indo para a internet afim de conhecer mais sobre a criptomoeda.

Enquanto o Bitcoin continua subindo, agora ultrapassando a marca de US$2.300, sua popularidade na rede mundial é incontestável. Com mais de US$ 36 bilhões em capitalização de mercado o Bitcoin está caminhando lentamente em direção à adoção popular, uma longa e árdua jornada que começou há mais ou menos oito anos. O Bitcoin tem arrecadado milhões de dólares diariamente dos investidores, mas ainda há muitos outros que estão buscando na internet como investir em bitcoin.

Uma pesquisa rápida nos tópicos atuais do por cidade” revela que o tema é pesquisado em todo o mundo. A popularidade do Bitcoin cresce, mesmo em lugares onde não está sendo amplamente usado.

Leia também  Mastercard: "A Culpa é das Criptomoedas"

No dia 22, o Bitcoin chegou ao 5º lugar como o termo pesquisado  mais popular nos EUA com mais de 200.000 buscas. Também no top 20 está o “Ethereum”, atingindo o décimo oitavo ponto após a notícia de que a Enterprise Ethereum Alliance adicionou 86 novos membros.

As cidades que estão “googlando” pelo Bitcoin revela uma lista diversificada composta por:

  • Lagos
  • São Francisco
  • Amsterdã
  • Nova york
  • Toronto
  • Cingapura
  • Los Angeles
  • Viena
  • Melbourne
  • Sydney

No topo está Lagos, uma cidade na Nigéria, é a cidade que está mostrando mais interesse no Bitcoin que qualquer outra. Embora o Bitcoin não seja tão popular por lá como em outros países, o primeiro lugar nas tendências de busca do Google é provavelmente impulsionado pela necessidade que o país tem por uma moeda descentralizada e deflacionária.

Leia também  Considerado o "Ethereum da China", NEO cai após problemas com investidores

Em seguida, há São Francisco, juntamente com algumas outras cidades americanas, Nova York e Los Angeles. Os Estados Unidos da América é considerado um dos países mais importantes para o Bitcoin os dólares que compõem uma boa parte do volume global do Bitcoin. Onde os cidadãos estão aguardando a decisão da sobre a revisão da Bitcoin.

Em seguida temos duas cidades europeias, Amsterdã e Viena. A Europa ainda está um pouco atrasada, já que a soma de todos os países da que usam o e interagem com o Bitcoin representa aproximadamente 7% do volume global.

Uma surpresa foi encontrar Toronto nesta lista, pois o canadense atualmente compõe menos de 0,30% do volume global de negociações Bitcoin. Isso, no entanto, pode mudar com o tempo, já que o Bitcoin continua ganhando força.

Leia também  Empresário chines compra 27% de uma exchange americana

Por fim, temos Melbourne e Sydney, duas cidades australianas. Embora o dólar australiano tenha uma pequena participação no volume global de negociação, o corte mais recente do imposto no problema da dupla tributação do Bitcoin pode ser o pontapé inicial para a indústria do Bitcoin no país.

Também pesquisamos sobre o interesse dos brasileiros e quais estados estão buscando o termo Bitcoin no google, e tivemos uma surpresa, veja abaixo o top 10:

  • Acre
  • Distrito Federal
  • Amapá
  • Mato grosso do sul
  • Roraima
  • Rio grande do norte
  • Mato grosso
  • Rondônia
  • Santa Catarina
  • São Paulo

E aí ficou surpreso com o Acre sendo o estado que mais pesquisou sobre o bitcoin? Deixe nos saber sua cidade, comente abaixo a cidade e o estado que você mora.

Guia do Bitcoin