12 empresas estão interessadas no xRapid da Ripple

0 Comentários

O Ripple e o seu token nativo XRP (apesar da insistente desassociação por parte do ‘XRP Army’) estão sempre nas notícias, seja por causa de inovações ou por causa de aumentos de preço. O mais novo projeto a virar foco nas notícias é o xRapid, uma nova solução de pagamentos. 

O XRP se mantém como uma das mais importantes altcoins do mercado, tendo até superado o Ethereum em valor por capitalização de mercado. Apesar do ETH já ter recuperado sua posição, o token da Ripple continua se destacando.

Um total de 12 empresas já mostraram interesse em usar o novo método de pagamento xRapid, da Ripple. Algumas outras já estão implementando a solução para acelerar suas transações.

Independentemente do sucesso que já tinha sido registrado, exchanges de criptomoedas como o Bitstamp e Bittrex aceitaram usar o xRapid para melhorar seus pagamentos dos EUA para o México e a Filipinas. Essas exchanges vão abrir caminho para a aceitação do xRapid pelas outras empresas do criptomercado.

Antes da aceitação pelas exchanges, empresas como a Mercury FX, Cualliz e Corporate Federal Credit Union, já tinham adotado o xRapid como forma de melhorar seus pagamentos internacionais.

Além dessas empresas acima, quatro outras confirmaram que o xRapid vai estar disponível em suas plataformas se eles ficarem satisfeitos com a performance da solução. Essas empresas são: SendFriend, IDT, Viamericas, e SBI Virtual Currencies.

Vale lembrar que o xRapid foi oficiamente lançado em outubro de 2018 durante a conferência Swell da Ripple. O objetivo do xRapid é melhorar a velocidade em que transferências usando XRP são feitas em todo o mundo e com uma taxa bem baixa.

Como dissemos, o XRP e a Ripple se mantêm com uma certa estabilidade, principalmente durante a queda do criptomercado durante 2018. Atualmente o ativo digital é um dos mais focados pelos investidores que estão esperando tanto a valorização da moeda, quanto as novas tecnologias e soluções que os desenvolvedores apresentam.

Veja também: MIT: 2019 é o ano em que a blockchain vai ser “comum”

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.