Emirados Árabes Unidos regulamentará ICOs em 2019

0 Comentários

De acordo com um comunicado publicado no jornal local The National, o regulador financeiro dos Emirados Árabes Unidos (EAU) – apresentará diretrizes e regras para as Ofertas Iniciais de Moedas (ICO) no país já no primeiro semestre de 2019.

A regulamentação buscará fornecer uma estrutura que não atrapalhe o desenvolvimento da indústria de tecnologia financeira no país, mas sim que favoreça o crescimento do mercado.

Segundo declaração de Obad Al Zaabi, chefe-executivo da Autoridade de Valores e Commodities dos Emirados Árabes Unidos (SCA, em sua sigla em inglês) – já foram assinados acordos com escritórios de advocacia para a criação de um livro de regras para as Ofertas Iniciais de Moedas no país.

Zaabi citou o seguinte sobre o assunto:

Leia também  Agora você pode comprar imóveis com bitcoins

“Nosso mercado está aberto. O registro e licenciamento está disponível para todos os tipos de empresas, de todo o mundo. Existe demanda. Já recebemos alguns pedidos para a emissão de ativos cripto e tokens.”

Ele ainda concluiu afirmando que a adoção da tecnologia e desenvolvimento de uma infra-estrutura em relação às exchanges levará mais tempo.

Em breve, a Bolsa de Valores de Abu Dhabi trabalhará em conjunto com a Autoridade de Valores e Commodities dos Emirados Árabes Unidos visando a criação de uma plataforma de compra e venda de tokens de ICOs.

Continue lendo: Ripple faz parceria com gigante Árabe de transações internacionais

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.