Economista afirma que Contratos Futuros prejudicaram tendência de alta do Bitcoin

0 Comentários

Um japonês chamado Yukio Noguchi escreveu um artigo na semana passada para o jornal japonês Diamond, o artigo escrito pelo economista está chamando a atenção da comunidade cripto. O artigo explica que o lançamento das negociações dos contratos futuros de Bitcoin, foi o motivo que pôs fim aos aumentos meteóricos de preços da principal criptomoeda em dezembro de 2017.

No dia em que foi lançada as negociações de contratos futuros em 10 de dezembro de 2017, aconteceu uma queda de US $ 3.000 em um único dia. Houve uma recuperação o preço alcançou níveis recordes próximo dos US$ 20.000, foram acontecendo quedas e subidas no preço mas em 6 de janeiro, o preço despencou e iniciou a tendência de baixa vivida atualmente.

“Como agora é possível negociar com futuros de bitcoin, nós nunca mais veremos uma explosão de alta como vimos no final de 2017”. Disse o economista japonês.

Numa reportagem da Forbes de maio, economistas do Banco da Reserva Federal em San Francisco fizeram um estudo intitulado, “Como a negociação de contratos futuros mudaram o preço do Bitcoin.” Sendo assim, Noguchi não está sozinho ao acreditar que o lançamento do mercado de futuros de Bitcoin foi fundamental para acabar com a corrida de 2017.

Leia também  BitPay lança cartão de débito de Bitcoin em parceria com a VISA

“A rápida subida e subsequente queda no preço após a introdução dos contratos futuros não parece ser uma coincidência, pelo contrário, é consistente com o comportamento comercial que normalmente acompanha a introdução de mercados futuros para um ativo.” Trecho do estudo do Banco da Reserva Federal.

Tomando a crise do mercado imobiliário e a desvalorização do mercado acionário japonês dos anos 90 como exemplos, os economistas do Fed destacam que os novos instrumentos financeiros têm um histórico de deflação de bolhas financeiras. Sendo assim, conforme os investidores aumentavam o preço do Bitcoin, o mercado de futuros se abriu e os pessimistas conseguiram proteger seu dinheiro contra a criptomoeda, fazendo-a desvalorizar.

A formidável escalada do Bitcoin em 2017 deu origem a uma atenção generalizada para as criptomoedas e a tecnologia blockchain, o que fez explodir a quantidade de altcoins no mercado. Alguns analistas acreditam que o agitado mercado de 2018 será, bom para o futuro das criptomoedas, pois as moedas fracas irão morrer e desaparecer.

Fonte: newsbtc

Leia também  Coinmap: mapa Interativo mostra as lojas e empresas que aceitam Bitcoin no Brasil e no mundo

Aviso de risco: Investir em moedas digitais, ações, títulos e outros valores, mercadorias, divisas e outros produtos de investimento derivado (por exemplo, contratos por diferença, “CFD”) é especulativo e representa um nível elevado de risco. Cada investimento é único e envolve riscos únicos.

Os CFD e outros derivados são instrumentos complexos e têm um risco elevado de perda rápida de dinheiro devido a alavancagem. Deverá ponderar se compreende como o investimento funciona e se consegue suportar o risco elevado de perda do seu dinheiro.

As criptomoedas podem ter preços flutuantes e, por isso, não são adequados a todos os investidores. A negociação de criptomoedas não é supervisionada por qualquer enquadramento regulador da UE. O desempenho anterior não garante os resultados futuros. Qualquer histórico de negociação apresentado tem menos de 5 anos e, exceto quando indicado, não é suficiente como base de decisões de investimento. O seu capital está em risco.

Quando negoceia em ações, o seu capital está em risco.

O desempenho anterior não é um indicativo fiável de resultados futuros. O histórico de negociação apresentado tem menos de 5 anos e, exceto quando indicado, não é suficiente como base de decisões de investimento. Os preços podem tanto subir como descer, os preços podem flutuar bastante, pode estar exposto a flutuações de taxa de câmbio e pode perder todo ou mais capital do que o que investiu. O investimento não é adequado para todos, certifique-se de que compreendeu totalmente os riscos e legalidades envolvidas. Se não tiver a certeza, procure aconselhamento financeiro, legal, fiscal e/ou contabilístico. Este website não oferece aconselhamento financeiro, legal, fiscal ou contabilístico. Alguns links são links afiliados. Para mais informação, leia o nosso aviso e declaração de risco completo.