Dubai se tornará a primeira “Cidade-Blockchain” até 2020 registrando todo documento na rede

O Dubai Land Department (DLD) reivindicou “tornar-se a primeira entidade governamental do mundo a adotar a tecnologia Blockchain”.

Em primeiro lugar do setor imobiliário global, o Departamento de Terra do Dubai – o braço do governo responsável pelo registro e organização do imobiliário no emirado – agora está processando e implementando todas as transações em uma Blockchain. O objetivo final verá todas as propriedades de Dubai registradas em uma Blockchain dentro de 2-3 anos.

Um anúncio do escritório de mídia do governo de Dubai dizia:

“A DLD criou o sistema baseado em Blockchain usando um banco de dados inteligente e seguro que registra todos os contratos imobiliários, incluindo registros de arrendamento, e os vincula com a Autoridade de Energia Elétrica de Dubai (DEWA), o sistema de telecomunicações e várias contas relacionadas à propriedade. A plataforma segura e eletrônica do Blockchain incorpora bancos de dados de inquilinos pessoais, incluindo cartões de identidade da Emirates e a validade dos vistos de residência, e permite que os inquilinos façam pagamentos eletronicamente sem a necessidade de escrever cheques ou imprimir documentos. Todo o processo pode ser completado eletronicamente dentro de alguns minutos a qualquer momento e de qualquer lugar do mundo, eliminando a necessidade de visitar qualquer entidade governamental.”

A iniciativa é parte da Estratégia de Blockchain de Dubai, que visa registrar e processar 100% de todos os documentos e transações em uma Blockchain até o ano 2020.

Leia também  10 coisas que você precisa saber sobre a Ripple (XRP)

O diretor-geral da DLD, Butti bin Mejren, acrescentou:

“Esta iniciativa ainda está em uma fase inicial. No futuro próximo, veremos muitos parceiros se juntarem à tecnologia Blockchain para melhorar seus serviços de clientes, incluindo operações bancárias, hipotecas, utilitários e manutenção… Nosso objetivo é unir todos os serviços de imóveis e departamentos em uma única plataforma.”

O Japão também pode seguir o caminho e colocar todo seu registro de propriedade em uma Blockchain, unificando todos os registros de propriedades e terrenos em áreas urbanas, agrícolas e florestais – incluindo cerca de 230 milhões de lotes e 50 milhões de edifícios – até o ano de 2023.


Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin. Nossos canais oficiais:

Grupo no Facebook (novo): https://www.facebook.com/groups/bitcoinealtcoins/
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Página Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Leia também  As 5 altcoins mais promissoras de 2017

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 17.512 outros assinantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *