Desenvolvedores criam criptomoeda para compra e venda de skins em games

Um time de desenvolvedores da indústria de eSports (esportes online) pretende acabar com o problema de milhões de jogadores ao redor do mundo com o desenvolvimento de uma criptomoeda chamada Skincoin. Ela poderá ser usada para comprar e vender skins de jogos populares, tais como Counter-Strike: Global Offensive, Dota 2, Team Fortress 2, etc.

Os programadores estão desenvolvendo a SteamTrade, uma plataforma que pretende intermediar as transações de compra e venda de ítens de estética diretamente em sua página da web. As operações serão imediatas. O andamento do projeto pode ser verificado aqui.

Segundo os desenvolvedores,”se a skincoin conseguir atingir 10% do mercado, movimentará cerca de US$ 700 milhões. Várias plataformas serão compatíveis com a moeda”.

Skins é como são chamados os visuais de personagens, armas, entre outros artefatos presentes no game. O jogo por si só continua o mesmo, mas com visuais customizados ao gosto do jogador, dando um ar de exclusividade ao gamer. Segundo o site Bloomberg, esse mercado já movimentou mais de US$ 7 bilhões apenas em 2016.

Leia também  Apesar de falhas, plataforma Ethereum atrai cada vez mais investidores

Usuários da loja virtual de games Steam já podem comemorar, uma vez que não há nenhum impedimento legal para a utilização desta criptomoeda ou da SteamTrade. São mais de 125 milhões de usuários cadastrados na loja e quase 100 milhões de jogadores de Dota 2 apenas, que possui uma das maiores comunidades de compra e venda de skins atualmente.

A Steam já aceita a compra de games com bitcoin há alguns anos. Talvez por isso a “afinidade” por moedas digitais.

Confira mais sobre o projeto em https://skincoin.org/

loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *