Descubra os 3 principais fatores que afetam os valores das taxas blockchain

0 Comentários

Cresce a demanda por moedas digitais, aumentam também as taxas . Há apenas três anos, as transações em Bitcoins custavam centavos, hoje já estão em média $6 por transação. Mas, quais seriam os principais fatores capazes de afetar os valores das taxas blockchain? Primeiro, saiba mais sobre o que é rede blockchain aqui.

As causas podem ser inúmeras, mas entre as mais comuns estão:

  • o congestionamento da rede;
  • o tempo de confirmação da transação; e
  • o tamanho da rede blockchain.

Isso significa que você irá precisar pagar taxas blockchain mais altas quando as redes estiverem ocupadas ou carregadas no momento. Normalmente, a taxa aumenta durante as flutuações súbitas do valor das moedas digitais e os principais eventos mundiais.

Há também o fato da sua carteira de moedas digitais ter um histórico de microdepósitos (como bônus de referência). Se sua carteira tiver grandes quantidades de pequenos depósitos, o tamanho de sua transação será maior, pois consistirá em muitos insumos. Quanto maior o tamanho da transação, maior a taxa blockchain.

O que é taxa blockchain?

A taxa blockchain, também chamada de “taxa dos ”, é uma taxa cobrada aos usuários ao realizarem transações em criptomoedas. A taxa é cobrada para recompensar os pela manutenção das redes das moedas digitais.

Atualmente, as taxas por transação estão em média $6. No entanto, em janeiro deste ano de 2018, as taxas da rede Bitcoin chegaram a $1. Seria uma tendência sustentável a longo prazo? Saiba mais aqui.

Além das taxas blockchain cobradas pelos mineradores, há ainda taxas que o pretende impor sobre o uso da tecnologia blockchain. No entanto, em Nevada, nos Estados Unidos, já foi assinado um projeto de lei que impede que o governo local imponha restrições fiscais sobre o uso da tecnologia blockchain.

É preciso pagar a taxa blockchain para garantir que as transferências de criptomoedas cheguem em tempo hábil. A taxa blockchain é uma das principais ferramentas usadas para acelerar as transações de criptomoedas, que geralmente são lentas devido ao alto congestionamento nas redes. Quanto menor a taxa blockchain, menor a prioridade da transação na rede de criptomoedas.

Leia também  Ledger vendeu mais de 1 milhão de hardware wallets em 2017, atraindo investimentos da Samsung e do Google

A taxa blockchain é uma taxa padrão que é aplicada a todos.

Em resumo, a principal razão para o aumento da taxa blockchain está no espaço limitado de transações das moedas digitais. À medida que a demanda cresce ao longo dos anos, o espaço começa a se encher, de modo que os mineradores, em um esforço para obter o máximo de dinheiro por bloco, priorizam as transações com taxas maiores.

Mas é difícil escolher a taxa certa.

Às vezes, os usuários pagam muito pouco e suas transações ficam paralisadas, enquanto outras pagam em excesso com base em estimativas ruins. A , por exemplo, perdeu milhares de dólares no início de 2017, quando pagou cerca de 100 vezes mais do que o necessário que deveria pagar.

Embora muitas carteiras não tenham originalmente permitido que os seus usuários escolhessem as taxas, o fato de agora oferecerem aos seus usuários essa opção já representa um grande avanço no mercado Bitcoin.

Hoje, a maioria das carteiras proporciona que os usuários não apenas selecionem suas próprias taxas, mas adicionem uma estimativa de taxa dinâmica que as ajude a deci

Leia também  Preço do Bitcoin registra alta de mais de 7% e se aproxima dos $900 dólares

dir qual taxa adicionar para obter a transação mais rápida.

Carteiras (wallets)

Existem hoje, no mercado, diversos tipos de blockchain info wallets. Tratam-se de carteiras para armazenar os diferentes tipos de criptomoedas com segurança. Saiba mais sobre as wallets e escolha a sua aqui.

Há o wallet do Dogechain, específico para explorar a blockchain do Dogecoin. E também o wallet do  que interage com a blockcahin do de forma rápida e segura.

Já a carteira do Bitcoin Core oferece dois tipos de taxas: “conservadora” e “econômica”.

A opção conservadora analisa as taxas de transação em uma escala de tempo mais longa, menos suscetível às mudanças rápidas nas condições das taxas. A vantagem é que a

taxa pode ser mais provável de passar, mas, por outro lado, a taxa pode ser um pouco maior do que a necessidade real de se basear nas condições do mercado.

Enquanto isso, o modo econômico olha apenas para os blocos mais recentes. Isso pode levar a taxas mais baixas, mas a desvantagem é que, se essas condições não persistirem, a transação pode ficar paralisada ou levar mais tempo para ser confirmada.

Referências automatizadas

Os algoritmos de estimativa de taxas precisam levar muitos fatores em consideração.

Por um lado, existem “ciclos” de transação – a carga da transação é mais pesada durante o dia da semana, e mais leve à noite e nos fins de semana, além de haver mais flutuações aleatórias e imprevisíveis na carga da transação.

Embora sempre tenha havido uma opção para o algoritmo examinar apenas as taxas mais recentes para determinar qual taxa um usuário deve adicionar, o problema é que esses ciclos podem mudar.

Leia também  Facebook vai comprar a Coinbase?

Os usuários podem ter preferências diferentes para a melhor maneira de lidar com o problema. Alguns podem querer arriscar sua transação a ficar presa. Outros podem não querer.

 

Problemas do ecossistema

Os usuários podem aproveitar essa melhoria do Bitcoin Core, que alguns argumentam ser a forma mais segura e confiável de fazer transações com Bitcoin. Mas usar o Bitcoin Core vem com uma desvantagem muito grande: como tem bem mais de 100 GB, demora até semanas para fazer o download, algo que apenas os apoiadores de Bitcoin obstinados provavelmente farão.

Uma das carteiras mais populares, a Blockchain.info, oferece um algoritmo dinâmico de sugestão de taxas. Se os usuários decidirem escolher sua própria taxa personalizada, um aviso será exibido para informar aos usuários se eles podem estar selecionando uma taxa que a carteira acredita ser muito alta ou muito baixa.

Em outro exemplo, a carteira de hardware agora oferece três níveis de honorários, o que depende do número de blocos pelos quais o usuário deseja que sua transação aconteça. “Altas taxas” objetivam a confirmação da transação no próximo bloco, “taxas padrão” para três blocos, e “baixas taxas” com o objetivo de seis blocos.

Note que cada carteira esteja criando seu próprio mecanismo para escolher suas próprias taxas com base em seus próprios objetivos de negócios.

O mercado das criptomoedas está em franca expansão e desenvolvimento.

Fique por dentro das principais e novidades do mercado aqui no nosso site. Além de artigos e , temos a seção de Tutoriais, que explica com detalhes como fazer parte também dessa nova revolução do mercado financeiro mundial.