Coinbase demitirá funcionários da Hacking Team após polêmica

0 Comentários

No final da semana pasada, noticiamos aqui no Guia do Bitcoin o fato de que os usuários da Coinbase iniciaram uma campanha de boicote contra a exchange. O motivo da campanha #DeleteCoinbase, era a compra da Neutrino, uma empresa de vigilância digital que tinha lanços com uma equipe de desenvolvedores acusada de vender spywares para governos totalitários.

Aparentemente os protestos funcionaram, e Brian Armstrong, CEO da Coinbase, anunciou em um blog que os membros da Hacking Team vão ser retirados do quadro de funcionários da Coinbase.

O post de Brian Armstrong citou uma falha no processo de diligência em relação à compra da Neutrino, dizendo “Nós não avaliamos todo o processo pela perspectiva da nossa missão e os nossos valores como uma companhia de criptomoedas”.

Leia também  Bitstamp torna-se a primeira Bolsa de Bitcoin Licenciada do Mundo e atua nos 28 países da União Européia

O CEO da Coinbase explicou a compra da Neutrino:

“A nossa missão como companhia é criar um sistema financeiro aberto para todos. Para fazer isso, o primeiro passo é empoderar o maior número possível de pessoas. Como a maioria do dinheiro no mundo está conectado ao sistema financeiro tradicional, isso quer dizer que nós precisamos conectar com esse sistema e obedecer a todas as leis e regulamentações. Uma parte chave para conseguir isso é a análise de blockchains.”

Ele então concluiu quais são os planos da empresa em relação a repercussão negativa gerada pela aquisição.

“Porém, nós tivemos uma falha no nosso processo de diligencia. Enquanto nós observamos bem de perto toda a tecnologia e segurança dos produtos da Neutrino, nós não avaliamos todo o processo pela perspectiva da nossa missão e os nossos valores como uma companhia de criptomoedas. Nós então tiramos um tempo para olhar para esse problema na última semana e junto com o time a Neutrino, chegamos a uma conclusão: Aqueles que trabalharam com a Hacking Team (mesmo eles não tendo nenhuma ligação com a Hacking Team atualmente), vão ser desligados da Coinbase.”

Leia também  Site de games lança moeda própria que pode ser minerada e usada em outras plataformas

A Coinbase não comentou mais nada fora do post de Brian Armstrong. Felizmente a companhia ouviu os seus usuários e achou uma maneira rápida para evitar que a natureza libertária das criptomoedas fosse afetada, ou que parte algo como o que foi feito pela Hacking Team não tivesse algum tipo de punição.

Veja também: Alerta: Monero Rings é um falso projeto que rouba chaves privadas!

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.