Coinbase compra gigante de custódias de criptomoedas Xapo

2s Comentários

A Coinbase Custody, serviço de custódia da Coinbase (uma das maiores exchanges dos EUA) adquiriu parte dos negócios institucionais da Xapo. A aquisição faz parte do esforço da Coinbase para se tornar a maior custodiante do mundo, com o maior número de criptomoedas sob seus cuidados.

A Xapo é um serviço que ficou conhecido por armazenar Bitcoins em um cofre físico sob uma montanha suíça.

A aquisição vem como parte de um esforço agressivo da Coinbase para expandir seus serviços de custódia e pode resultar na empresa, que tem base em São Francisco, se tornar de mais de 5% de todos os Bitcoins em circulação no mercado.

A corretora de criptomoedas anunciou a notícia da compra em um post no seu blog oficial no último dia 15, quinta-feira.

A notícia acompanha uma série de desenvolvimentos em relação ao crescimento da ala de custódia da Coinbase. A menos de dois meses a companhia tinha reportado ter a custódia de $1.3 bilhões em criptomoedas.

Segundo os relatos do Fortune, uma pessoa familiarizada com a negociação disse que a Coinbase pagou US$55 milhões pela Xapo e, como resultado do acordo, agora tem mais de US$ 7 bilhões em ativos digitais sob sua administração.

A pessoa, que não estava autorizada a falar por atribuição, disse que a compra ocorreu depois que a Coinbase superou o lance da gigante de investimentos Fidelity.

acordo com a fonte, a Xapo estava aparentemente em negociações com a Coinbase Custody desde maio desse ano.

De acordo com as informações, outras empresas estavam interessadas na compra.

A Xapo, que foi lançada em 2013, manterá seu negócio como exchange, que permite que consumidores comuns comprem e vendam Bitcoin.

O fundador da Xapo, Wences Casares, diz que continuará em seu papel de CEO na atuação da companhia como uma exchange.

Em entrevista ao Fortune, Casares disse que ser uma exchange retalhista sempre foi o foco principal da Xapo, e que o negócio de custódia se desenvolveu como um negócio paralelo em um momento em que investidores ricos em Bitcoin precisavam de um lugar seguro para guardar suas riquezas digitais.

“É difícil fazer um negócio focado em clientes retalhistas e institucionais ao mesmo tempo. No início deste ano, estavas procurando uma casa para esse negócio. “, disse ele.

Casares disse que outras empresas fizeram ofertas mais altas para o negócio de custódia da Xapo, mas os licitantes não tinham credenciais de segurança ou regulatórias para serem aceitos pelos clientes da companhia.

Veja também: Indicador de “medo do Bitcoin” aponta medo extremo

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.