China planeja recompensar seus soldados com criptomoeda

0 Comentários

homem de rosto serio com farda do exercito

Na China, as autoridades estão planejando recompesar em criptomoeda para os soldados que fizeram um bom trabalho. O jornal oficial do Exército de Libertação Popular, PLA Daily, sugeriu que os soldados do país sejam recompensados ​​em criptomoeda, caso a tecnologia blockchain tenha sucesso no país. 

O porta-voz das forças armadas do país asiático propôs um sistema onde são distribuídos criptomoedas aos soldados de destaque que recebem notas altas de seus professores nos períodos de treinamento. Os soldados também receberão recompensas em criptomoedas quando concluírem determinadas tarefas ou se forem excelentes em um determinado setor. 

O PLA Daily explicou dessa forma a proposta:

Atribuir ou deduzir tokens de acordo com o desempenho diário de alguém e, assim, gerar uma avaliação objetiva energizaria efetivamente a gestão de recursos humanos.

Vale destacar que esta sugestão das forças armadas vem após o aumento do interesse pela tecnologia blockchain por parte do presidente da China no último mês. Em outubro, Jinping discursou em favor da tecnologia blockchain, alegando que poderia dar um novo impulso na economia chinesa.

China e a tecnologia Blockchain

Muitos países estão acelerando o seu desenvolvimento utilizando o blockchain. A China, país com uma das maiores economias do mundo, não quer ficar para trás e está construindo uma boa base no campo da tecnologia. O presidente do país asiático, Xi Jinping, disse, na sexta-feira (25), que a adoção do blockchain é como um avanço importante para a inovação independente dos principais desenvolvimentos.

O presidente chinês enfatizou a importância da China assumir a posição de liderança no campo emergente do blockchain.

“Devemos considerar o blockchain como um avanço importante para a inovação independente das principais tecnologias, esclarecer as principais direções, aumentar o investimento, focar em várias tecnologias principais e acelerar o desenvolvimento do blockchain e da inovação industrial.”

Xi Jinping apontou que os departamentos relevantes e seus líderes responsáveis devem prestar atenção nas coisas como são e à tendência do desenvolvimento do blockchain, melhorar a aplicação e o gerenciamento dos recursos da tecnologia e permitir que ela construa um poder de rede, desenvolva a economia digital e promova o desenvolvimento econômico e social.

Após as declarações de Jinping, alguns sites veicularam que o China Merchants Bank fez um investimento na BitPie, startup que oferece uma carteira de Bitcoin e que tem a maior parte de seus usuários na China.

Embora a notícia não tenha sido confirmada pelo banco ou pela empresa esse fato é algo que realmente deve chamar a atenção do mercado de criptoativos.

O China Merchants Bank possui mais de quinhentas filiais na China continental e uma em Hong Kong. Logo, nota-se que é uma instituição financeira com grande potencial e já consolidada no país asiático.

Outros destaques positivos após as declarações de Xi foram as valorizações da Meitu e da Pantronics Holdings. As ações da Meitu, empresa editora de fotos que está trabalhando em um reconhecimento facial baseado em blockchain, valorizaram em 31%. A Pantronics Holdings, empresa adquirida pela exchange Huobi, teve uma valorização de 62%.

O analista de ações da Dongwu Securities, Pan Shaochang, afirmou que as últimas altas nos setores de blockchain aconteceram por causa de Xi. Shaochang disse que o potencial de crescimento é enorme. Contudo, segundo ele, a conversa sobre blockchain é conceitual. Ainda há um longo caminho a percorrer para concretizá-lo ao nível individual e empresarial.

É importante observar que mesmo com todo o entusiasmo em volta do blockchain e de analistas afirmarem que a tecnologia pode ajudar a China a superar problemas endêmicos de confiança fornecendo um apontamento de registros não-justificáveis para as cadeias de suprimentos de tudo, Pequim não indicou que haveria alguma diminuição na proibição de criptoativos.

Clique aqui para ler: Facebook anuncia sistema de pagamento Facebook Pay

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.