CEO da Fidelity Investiments diz que a empresa está minerando criptomoedas

A Fidelity Investments, uma das maiores empresas de investimento do mundo com US$ 2,3 trilhões em ativos gerenciados, está examinando longamente as criptomoedas.

A empresa vem experimentando trabalhar internamente com bitcoin, mas agora está trazendo alguns desses recursos para sua ampla base de clientes.

Johnson disse que a empresa havia feito vários investimentos em startups de bitcoin e que a empresa estava estudando aplicações de tecnologias na Blockchain ao lado de várias universidades líderes.

Segundo a Quartz, a Fidelity também criou uma pequena operação de mineração de Bitcoin dentro dos ativos da empresa – uma das que está gerando dinheiro para a empresa.

Da Quartz:

“Um dos projetos da Fidelity é mineração de Bitcoin e Ethereum, que Johnson disse que foi iniciado para fins educacionais, mas agora gera um bom lucro. “Criamos uma pequena operação de mineração de Bitcoin e Ethereum… que milagrosamente agora está realmente ganhando muito dinheiro”, disse ela.

A FT informou que a empresa havia comprado seu hardware de mineração da 21 Inc.

Leia também  Wallet de Bitcoin "Zap" beta é lançada, utilizando a Lightning Network

Além do trabalho interno da empresa, também está tornando os saldos de criptomoedas visíveis no site da Fidelity para clientes que possuem uma conta com a Coinbase – um dos maiores fornecedores de serviços de comércio e armazenamento no mundo para o mercado de criptomoedas.

O Bitcoin agora está negociando em torno de US$ 4.300 para sair de alguns choques de preços recentes relacionados a uma repressão regulatória na China em criptomoedas.

A primeira gigante financeira falando abertamente de criptomoedas

A Fidelity torna-se uma das maiores firmas de serviços financeiros para falar publicamente sobre suas operações de criptomoedas, mesmo que a maioria dos grandes bancos tenha começado a experimentar o Bitcoin, Ethereum e outros protocolos baseados na Blockchain internamente.

Na verdade, mesmo quando o presidente-executivo da J.P. Morgan, Jamie Dimon, criticava publicamente o Bitcoin na CNBC, os traders de sua empresa compravam ações de um fundo de Bitcoin.

Leia também  "Pumps e Dumps": hoje foi a vez da Vertcoin

Via: Techcrunch.com
Tradução: Guia do Bitcoin


É importante se manter informado todos os dias, siga nossos canais oficiais:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 21.426 outros assinantes

loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *