CEO da exchange chinesa BTCC alerta que criptomoedas precisam de regulamentação

Nesta semana, Bobby Lee, fundador e CEO da exchange de bitcoins com sede na China, a BTCC, alertou que as criptomoedas devem ser regulamentadas ou “estarão mal da sociedade”. A conversa segue as políticas regulatórias relacionadas ao Bitcoin, recentemente introduzidas, administradas pelo banco central da China.

“Regulamentos necessários para a nova classe de ativos”

Desde janeiro, o Banco Popular da China (PBOC) vem implementando regras rígidas em relação às plataformas de negociação bitcoin no país. O banco central trabalhou com as três principais excgabges chinesas de bitcoins : Okcoin, Huobi e BTCC para estabelecer novos requisitos regulamentares de AML / KYC. Isso inclui requisitos de identificação de vídeo e a possibilidade de verificação no local para abrir uma conta de câmbio. Nesta semana, Bobby Lee, o CEO da exchange BTCC, disse ao programa da CNBC “Squawk Box” que, se as criptomoedas não estiverem regulamentadas, as coisas podem ficar fora de controle.

“Eu acho que a regulamentação é muito necessária para esta nova classe de ativos, porque, se isso não acontecer, ela vai ficar longe da sociedade”, explica Lee.

“Mas o desafio é como elaborar as regras em torno desta nova tecnologia”.

“Eu acho que está os legisladores e os reguladores estão levando algum tempo para entender isso, e para chegar às regras e leis adequadas para governar as empresas, como fazemos negócios, governar indivíduos e como as pessoas conduzem negócios on-line”.

As ICO’s e o grande fluxo de Capital

As declarações de Lee estão no meio das recentes manobras das chamadas ICO’s (oferta inicial de moedas) que ocorrem na China e em todo o mundo. Os reguladores financeiros da China estão preocupados com as vendas de token e acreditam que os estatutos devem ser enquadrados para proteger os investidores. O portal de notícias Yicai Global publicou uma entrevista com Sheng Songcheng, um executivo do PBOC que disse que o governo deveria elaborar normas regulatórias como “requisitos de divulgação de informações”. Além disso, alguns acreditam que o PBOC também está tentando reduzir as saídas de capital que podem estar ligadas aos Ativos Digitais, criando uma redução nos negócios de criptomoedas. No entanto, Lee não acredita nessa teoria.

Leia também  Hype de ICO's atrai investidores, golpistas e atenção de reguladores em todo o mundo

“Não é realmente uma repressão – O banco central não estava muito ciente anteriormente dos detalhes sobre como o Bitcoin é utilizadoe como o Bitcoin é negociado”, diz Lee.

Houve uma questão de causalidade e correlação. As pessoas pensavam que o bitcoin estava causando isso – mas depois de estudá-lo mais, acho que o banco central percebeu que o bitcoin não é a causa da mudança na taxa de câmbio, nem é a causa das saídas de capital.

O que você acha dessa notícia? Comente abaixo.

Siga nosso canal no Telegram e não perca uma notícia: http://t.me/guiadobitcoin

Comentários

Comentários

1 comentário


  1. “acreditam que os estatutos devem ser enquadrados para proteger os investidores”

    Aham. É assim que começa a palhaçada. Até que demorou pra surgir lobby nesse mercado.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *