CEO da BitPay afirma que adoção em massa do blockchain virá em até 5 anos

0 Comentários

Stephen Pair, CEO da plataforma global de pagamentos em Bitcoin, a BitPay – respondeu algumas perguntas sobre o futuro do blockchain, adoção e ETFs em uma entrevista recente para a portal de finanças CNBC.

Quando perguntado pelos repórteres sobre o preço atual do Bitcoin em relação ao seu último topo histórico alcançado em dezembro do ano passado, ele respondeu:

“Um componente muito grande do preço é certamente a especulação. São os investidores que estão especulando sobre o futuro e a adoção dessa tecnologia. Tenho certeza de que um pequeno componente desse preço é a sua utilidade real.”

Pair, ao ser questionado pelos jornalistas sobre o potencial de valorização que um ETF poderia trazer para o Bitcoin – citou que além do ETF, uma adoção em massa também elevaria os preços em algum momento no futuro.

Leia também  Tutorial: Como comprar e vender altcoins na Poloniex

Como publicado anteriormente no Guia do Bitcoin, a decisão de um ETF de Bitcoin sofreu mais um adiamento para o dia 27 de fevereiro de 2019, o prazo final para a SEC dos Estados Unidos dar seu parecer de aprovação ou rejeição.

Por fim, lhe foi perguntado sobre o uso em grande escala de criptomoedas baseadas em blockchain no dia-a-dia dos negócios e sua resposta foi um tanto otimista:

“Eu costumava dizer 10 anos, mas agora acho que são de 3 a 5 anos até você entrar em um restaurante, um estabelecimento de varejo, e todos esperarem que a loja aceite um pagamento em blockchain.”

Ao informar que não estava se referindo especificamente ao Bitcoin e outros tokens que já estão no mercado, ele citou ainda a possibilidade da emissão de euros e dólares em uma blockchain no futuro.

Leia também  BitPay lança cartão de débito de Bitcoin em parceria com a VISA

Continue lendo: Co-fundador da Blockchain Caucus nomeado chefe de gabinete da Casa Branca

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.