Brave começa a testar microtransações para o Twitter

0 Comentários

O Brave é um navegador com base na blockchain e com foco no uso das criptomoedas para promover uma nova forma de trazer propagandas e privacidade para todos os usuários da plataforma.

Um dos principais pontos de interesse da Brave é o uso do token BAT para recompensar aqueles que assistem propagandas selecionadas e para que os usuários possam dar gorjetas e incentivos para criadores de conteúdo. Tudo isso de forma descentralizada e descomplicada.

Agora o popular navegador começou a testar um recurso de microtransação do Basic Attention Token (BAT) para o Twitter em sua versão para desenvolvedores, permitindo que os usuários deem gorjetas para tuítes que acharem interessante ou úteis.

De acordo com a Brave, o novo recurso ainda está sendo testado e, aparentemente, permitirá que os usuários deem gorjetas BAT com um simples botão, que fica do lado do “Like” e “Retweet”. As gorjetas são enviadas instantaneamente para criadores de conteúdo verificados.

O navegador Brave oferece aos usuários recursos focados em privacidade, pois bloqueia anúncios e rastreadores por padrão.

Isso, juntamente com a premissa de ganhar criptomoedas apenas por navegar, ajudou a tornar o browser popular. Tanto que ele ultrapassou 20 milhões de downloads em março deste ano.

Notavelmente, o recurso veio logo após o Brave começar a permitir que os usuários ganhem token BAT para ver os anúncios.

Como mencionado, os usuários da Brave nos EUA, Reino Unido, Alemanha e França podem optar por ver anúncios e ganhar até US$ 5 por mês em criptomoedas. Em breve mais países terão o recurso.

Tokens que os usuários ganham são, por padrão, distribuídos a sites e criadores de conteúdo em plataformas como YouTube e Twitch, de acordo com o tempo que gastam em seu conteúdo.

Esses parâmetros podem ser alterados para alocar valores específicos a editores específicos ou os usuários podem simplesmente manter seus tokens enquanto aguardam a disponibilidade de uma opção de saque.

Veja também: Plataforma entra em atualização e prejudica exchanges brasileiras

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.