Bomba! Google tenta contratar Vitalik Buterin para um projeto secreto de criptomoeda

0 Comentários

Em um tweet recente, Buterin postou uma captura de tela de um e-mail do Google com uma oferta de emprego para ele. Ele postou o e-mail, juntamente com um tweet de acompanhamento que tinha uma enquete perguntando a seus seguidores se ele deveria aceitar a oferta do Google.

Em seu tweet original, Vitalik não conseguiu ocultar o nome, o endereço de e-mail ou a foto do perfil do recrutador. Era uma mensagem curta, e uma parte dela estava quebrada na imagem que ele postou. Ele disse:

“Espero que você esteja indo bem e aproveitando o fim de semana!” E continuou “O Google faz sentido para você agora ou no futuro próximo”.

A pesquisa recebeu mais de 2.000 votos, com mais de 50% dizendo que ele não deveria aceitar o trabalho. No entanto, pouco mais de 40% deles sentiram que deveriam abandonar o e trabalhar para o Google. Algumas horas depois, Buterin decidiu excluir o tweet, provavelmente porque ele não conseguiu censurar as informações do recrutador.

Leia também  Cases de uso do Ethereum em 2016 nos mais diversos setores da Economia

É altamente improvável Vitalik largar tudo o que ele conquistou com a Ethereum e trabalhar para o Google. Vitalik é visto como o rosto da Ethereum e a saída dele teria um impacto imediato no preço da Ethereum.

tem trabalhado duro nos últimos meses com importantes atualizações do Ethereum, como a implementação do protocolo de prova de participação (PoS), Casper e Sharding. Ele também é defensor de blockchain e criptomoedas ao fazer aparições e palestras em vários eventos internacionais.

O Google, por outro lado, proibiu totalmente anúncios de criptomoedas e ICO em seu mecanismo de busca em março deste ano. No entanto, no mesmo mês, foi revelado que o Google estava trabalhando em seu próprio produto blockchain: um livro digital distribuído que terceiros podem usar para postar e verificar transações. O Google pode ter interesse em contratar a Vitalik para este projeto, ou até mesmo um sem aviso prévio. Alguns não sabem, mas o Google também é um investidor em várias empresas de blockchain, como a Ripple, LedgerX e Veem.

Leia também  Opinião: Ethereum Classic é só mais um scam Bitcoin