Relatório da BitMEX explica a próxima crise financeira global e seu efeito sobre o Bitcoin

0 Comentários

desenho sobre crise financeira

Uma das maiores exchanges do mundo, a Bitmex divulgou um relatório explicando a “anatomia da próxima grande crise financeira global”. De acordo com a Bitmex Research, são grandes as chances dos fundos de investimento de dívida corporativa serem os causadores da próxima crise financeira global.

De acordo com a equipe de pesquisa, uma crise semelhante a de 2008, que começou nos Estados Unidos após o colapso da bolha especulativa no mercado imobiliário, alimentada pela enorme expansão de crédito bancário e potencializada pelo uso de novos instrumentos financeiros, a crise financeira se espalhou pelo mundo todo em poucos meses. O evento detonador da crise foi a falência do banco de investimento Lehman Brothers no dia 15 de setembro de 2008, após a recusa do Federal Reserve (Fed, banco central americano) em socorrer a instituição.

Essa atitude do Fed teve um impacto sobre o estado de confiança dos mercados financeiros, rompendo a convenção dominante de que a autoridade monetária norte-americana iria socorrer todas as instituições financeiras afetadas pelo estouro da bolha especulativa no mercado imobiliário.

Desta vez, o investimento em dívida corporativa e os veículos de investimento não convencionais, incentivados pela baixa volatilidade e baixo retorno, são mais propensos a serem a causa da próxima grande crise.

Embora o objetivo do relatório seja analisar a mecânica da próxima crise financeira global, a BitMEX Research menciona como essa crise afetará o preço do Bitcoin. De acordo com a equipe responsável pelo relatório, há três hipóteses ligadas à questão de “quando a próxima crise financeira global vai acontecer?”. Uma dessas suposições afirma que tal crise terá um impacto positivo no preço do Bitcoin.

Embora a BitMEX Research não concorde totalmente com essa hipótese, eles fazem referência a um relatório anterior feito em março de 2018, quando observaram que o Bitcoin começou a valer mais como um ativo de risco do que um ativo de segurança.

Apesar de que a BitMEX reconhece que o preço do Bitcoin caiu drasticamente desde o último relatório em março de 2018e considera que é muito provável que as coisas mudem no futuro, se o Bitcoin responder bem à próxima crise financeira, será uma grande vitória para a moeda, bem como sua aceitação como reserva de valor.

Na verdade ainda não há provas disso. Na visão dos especialistas da BitMEX responsáveis pelo relatório, para que isso ocorra, o preço do Bitcoin primeiro precisa se desassociar da maioria das altcoins.

Leia mais: Nasdaq vai oferecer índices Bitcoin e Ethereum apartir de 25 de fevereiro

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.