BitInka anuncia expansão de aplicativo de pagamentos em Bitcoin para toda a América Latina

A Bitinka, uma plataforma que permite que usuários de 9 nações sul-americanas compram e vendam bitcoins, anunciou a incorporação significativa do Inkapay, aplicativo da Bitinka de pagamento baseado em bitcoin para os mercados latino-americanos.

Leia também  Bitcoin continua sendo a maior esperança para os Venezuelanos

A Bitinka anunciou que seu aplicativo de pagamento popular baseado em Bitcoin, Inkapay, verá expansões significativas a partir de julho deste ano.

A Bitinka foi fundada em 2013 como uma plataforma destinada a facilitar a compra e venda de bitcoins em toda a América Latina. A Bitinka atualmente oferece serviços para a Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, Peru, Venezuela e Estados Unidos, e oferece negociação de bitcoin em moedas nativas.

A Bitinka relata crescimento significativo em 2017

Roger Gabriel, parceiro fundador da Bitinka, afirma que “a plataforma tem uma vantagem muito importante que nenhuma outra bolsa oferece no mercado: a possibilidade de comprar bitcoins na sua moeda local … nossos usuários não precisam pensar em fazer transferências internacionais para poder para recarregar seus saldos em suas respectivas contas.

“Outro ponto importante a considerar é a nossa presença local, com escritórios e ampla integração com os bancos mais importantes em cada um dos países onde operamos, o que não só nos proporciona uma melhor capacidade de resposta, mas também proporciona segurança e confiança de operar com uma empresa local que possui a estrutura necessária para lidar com eventos imprevistos”.

Roger Gabriel também destacou o potencial da facilidade de uso da Inkapay como veículo para enviar remessas em toda a América.

A Bitinka relata que viu um crescimento mensal médio de 44%, com a expectativa de crescimento futuro após a implementação da integração de cartão de crédito e da API de comércio eletrônico nos serviços da Bitinka.

A Bitinka também tem o objetivo de expandir-se internacionalmente, anunciando planos para prestar serviços a nações asiáticas, oceânicas e norte-americanas. A empresa também planeja expandir seus serviços latino-americanos, com o BitInka anunciando suas intenções de entrar nos mercados bitcoins do Paraguai e do México.


Notícias diárias sobre Bitcoin no seu Telegram: http://t.me/guiadobitcoin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *