Por que precisamos do Bitcoin? O efeito Cantillon

0 Comentários

Continuando com a série de artigos adaptados do site Crypto Briefing, estamos em busca de responder por que precisamos do Bitcoin e qual a importância dessa criptomoeda para melhorar a nossa sociedade.

Depois de contarmos a história do dinheiro e falar das vantagens do Bitcoin em relação ao ouro, falamos também sobre como os Bancos estão contra a População e mais recentemente como a moeda fiduciária se beneficia da guerra.

Hoje, vamos falar sobre um importante efeito da economia de gotejamento, o Efeito Cantillon.

O Efeito Cantillon

A influência indevida da produção e manipulação de moedas fiduciários do banco central emerge de maneira mais prejudicial no que é chamado de Efeito Cantillon.

Em suma, os bancos centrais criam poder de compra no topo entre aqueles que primeiro têm acesso a fundos sem nenhum custo, com a moeda impressa sendo filtrada pela economia, à medida que diminui gradualmente o valor em relação aos ativos.

Esse fenômeno resulta em inflação, à medida que a moeda finalmente chega até a parte inferior. Quem recebe o dinheiro recém-criado pela primeira vez vê um aumento na renda, enquanto quem o recebe pela última vez experimenta um declínio no poder de compra.

Como os bancos centrais e comerciais, juntamente com outras instituições financeiras, detêm o monopólio da produção e aquisição inicial de dinheiro anteriormente inexistente, eles podem comprar bens, serviços e ativos antes da desvalorização da moeda.

Isso resulta na maior parte do benefício econômico concentrando-se ainda mais nessas instituições, às custas do restante do mercado.

O Efeito Cantillon causa uma espécie de feudalismo moderno, pelo qual uma oligarquia de instituições financeiras se tornou a nova classe de “proprietários de terras”, adquirindo a propriedade da grande maioria dos ativos do mundo real, com os cidadãos trabalhadores assumindo o papel da servidão:

“Da mesma maneira que a aristocracia fundiária dos tempos anteriores extraiu o aluguel em virtude da propriedade monopolista da terra, hoje a oligarquia financeira extrai juros e outros encargos financeiros em virtude de ter concentrado a maior parte dos recursos nacionais em suas mãos na forma de capital financeiro.” – Ismael Hossein-Zadeh e Anthony A. Gabb.

Esses senhores feudais modernos são capazes de adquirir dinheiro praticamente sem juros, permitindo que acumulem ativos do mundo real pelo menor custo possível.

Eles podem lucrar emprestando a riqueza com juros mais altos, retornando ainda mais riqueza a si mesmos em um ciclo de feedback opressivo que se baseia na criação de moeda fiduciária do nada.

Veja também: Alipay bane pagamentos com criptomoedas em sua plataforma

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.