Brasil: grandes bancos se unem ao R3 para desenvolver plataforma blockchain

0 Comentários

Imagem relacionada

Está acontecendo em São Paulo CIAB Febranban, Congresso de tecnologia da informação para instituições financeiras, palco para discussões e desenvolvimento de parcerias para implantação de grandes transformações tecnológicas no nosso país, principalmente no que tange ao setor financeiro.

Blockchain e bancos brasileiros

Grandes bancos brasileiros, entre eles Bradesco e Itaú, estão desenvolvendo o Blockchain R3, que é um consórcio de software, uma plataforma de blockchain.

O anúncio foi feito durante o evento CIAB Febranban, Congresso de tecnologia da informação para instituições financeiras, em São Paulo. O R3 tem em sua composição grandes bancos e empresas de tecnologia e agora está colaborando com os bancos aqui no Brasil.

O objetivo da parceria entre o R3, que recentemente abriu um escritório no país, e os bancos brasileiros é construir um sistema de blockchain para comércio exterior e seguros.

A bolsa de valores brasileira também estava usando plataforma blockchain Corda, criado pela R3 em 2017 é normalmente tido como uma solução para o mercado financeiro, para identificação digital.

Outras soluções de organizações financeiras brasileiras com a blockchain

Recentemente a CIP, uma facilitadora da infraestrutura bancária e financeira brasileira, lançou oficialmente sua plataforma de blockchain ID através de uma parceria com a IBM usando o Hyperledger Fabric, a solução conta com a parceria de vários outros bancos nacionais e internacionais, como: Banrisul, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa, Itaú, JP Morgan, Original, Santander e Sicoob.

Fonte: Cointelegraph

Leia mais: Rumores indicam que EOS lançará rede social rival do Twitter

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.