Banco Central de Hong Kong testará a tecnologia por trás do Bitcoin

0 Comentários

O Banco Central de Hong Kong pretende lançar um hub de inovação que irá testar a blockchain e soluções de contabilidade distribuídas.

A Autoridade Monetária de Hong Kong (HKMA) revelou ontem que iniciou os trabalhos sobre a iniciativa com o Instituto de Ciências Aplicadas e Pesquisa em Tecnologia de Hong Kong (ASTRI), uma iniciativa fundada pelo governo para melhorar a sua competitividade em tecnologia.

Em declarações, a HKMA disse que vê o centro de inovação como jogar um papel como um “terreno neutro” para o teste de tecnologia financeira antes de sua eventual libertação.

O anúncio coincidiu com comentários formais do presidente-executivo do HKMA, Norman Chan, que em um discurso no Treasury Market Summit 2016 procurou desfazer a ideia de território autónomo não estava se movendo rápido o suficiente para abraçar a inovação FinTech.

Chan disse:

“Há também uma percepção muito comum de que o desenvolvimento de Fintechs no setor de serviços financeiros em Hong Kong tem sido lento. Eu não concordo com essa visão, pelo menos na medida em que o setor bancário está se desenvolvendo.”

As atividades adicionais que são esperadas de acontecer no centro de inovação incluem o teste de soluções que exigem recursos computacionais substanciais; discussões entre os reguladores, os operadores históricos e startups; e os testes de soluções que poderiam ser adoptadas pela HKMA.

Com os detalhes de como os recursos devem ser alocados para os esforços continuarem a ser a “prioridade”, mais atualizações sobre o projeto são esperados nas próximas semanas.

Via: Coindesk
Adaptação e Tradução: Guia do Bitcoin

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.