Banco Central da China se reúne com mais exchanges de Bitcoin

2s Comentários

Um número pequeno de exchanges de bitcoin da China se reuniram hoje, de portas fechadas, com o Banco Popular da China.

De acordo com fontes familiarizadas com o assunto, estavam presentes os intercâmbios que antes estavam ausentes das conversações realizadas no início do mês, incluindo a Yunbi, com sede em Pequim, e a BTC Trade.

A BTC Trade confirmou sua participação, enquanto a Yunbi não confirmou nem negou o relatório. Ambos se recusaram a fornecer detalhes adicionais sobre a discussão.

De acordo com a Bloomberg, uma fonte disse que a lavagem de dinheiro estava na pauta, como foi nas negociações anteriores.

Os representantes das três maiores bolsas chinesas BTCC, Huobi e OKCoin, que se reuniram com o banco central no início do mês para discutir práticas e políticas, não participaram. BTCC, Huobi e OKCoin confirmaram que não estavam presentes na reunião.

No momento dessa postagem, o preço pareceu cair um pouco na notícia, possivelmente com receios de que a China possa tomar novas medidas para controlar seu mercado local de bitcoin.

A mudança segue uma migração dos volumes de negociação de bitcoin da China para exchanges que, em grande parte, ainda oferecem a negociação de bitcoin sem taxas, uma política reduzida por grandes bolsas a pedido do banco central no início deste ano.

Via: Coindesk
Tradução: Guia do Bitcoin

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.