American Express lança o primeiro programa internacional de liquidação de pagamentos blockchain baseado na Ripple

 

A American Express anunciou a criação de um canal de pagamentos baseado na blockchain que permitirá às empresas liquidar pagamentos entre os EUA e o Reino Unido quase instantaneamente.

Desenvolvido através de uma parceria entre a American Express International Payments (FXIP), starkey Enterprise Starkey Ripple e o Banco Santander UK, o canal de pagamento baseado na blockchain reduzirá o tempo necessário para liquidar pagamentos internacionais, pagamentos que duravam dias, agora serão feitos em segundos.

A American Express diz que a plataforma encaminhará os pagamentos sem cartão através da rede de pagamento RippleNetRipple em tempo real, reduzindo o número de intermediários necessários para processar transações e proporcionando maior transparência de ponta a ponta.

“Temos evidências de que a tecnologia blockchain está desempenhando um papel transformador na forma como os clientes são atendidos”, disse Greg Keeley, vice-presidente executivo de pagamentos corporativos globais da American Express. “Não só essa parceria com a Ripple ajuda a diminuir o tempo que leva para que as transações internacionais sejam processadas, mas as nossas transações podem ser mais eficazes para nossos clientes”.

Este canal de pagamento pode revelar-se uma grande solução para pagamentos internacionais entre os EUA e o Reino Unido, particularmente se as duas nações entrarem em um acordo de livre comércio, mutuamente benéfico depois que a Grã-Bretanha sair da União Européia.

Leia também  Bombando! Mercado se recupera para $500 bilhões: Bitcoin e Ethereum registram recordes

Embora este seja um dos primeiros exemplos importantes da introdução da tecnologia Blockchain em um ambiente empresarial, a American Express tem estado interessada na tecnologia há algum tempo. No início deste ano, a gigante dos cartão de crédito ingressou no Hyperledger Project, um grupo de trabalho aberto de desenvolvimento blockchain.

O anúncio não inclui qualquer menção ao XRP – a moeda nativa da rede Ripple -, mas o preço do XRP, no entanto, aumentou mais de 20% após o anúncio sobre a especulação de que seria posteriormente integrado para fornecer liquidez da plataforma e reduzir ainda mais os custos da transação.

Estamos ansiosos para expandir essa parceria para ajudar outros clientes American Express FXIP, disse Brad Garlinghouse, CEO da Ripple que concluiu dizendo:

“É apenas o começo”

 

Leia também  "Nenhuma rede Blockchain chega perto do Ethereum", diz CEO da Golem

Fonte: Cryptocoinsnews.com

Tradução/Adaptação: Guia do Bitcoin

Investigada pelo FBI, exchange BTC-e afirma que ainda possui bases de dados e carteiras dos clientes

De acordo com uma nova publicação no fórum Bitcointalk, a já extinta troca BTC-e diz que tem controle sobre alguns de seus servidores e carteiras de bitcoin. No momento, os…

1 Comente

A legitimição do Bitcoin na União Europeia

O Bitcoin está pronto para ganhar legitimidade na União Europeia, já que os Estados membros concordaram em impulsionar as exchanges de criptomoedas em sua jurisdição desde que elas ofereçam identificação…

0 Comentários
Vai ficar de fora?
Para manter-se atualizado sobre novidades, ofertas e dicas, informe-nos que você gostaria de receber atualizações por e-mail inserindo seu endereço de e-mail e clicando para se inscrever. Como usamos as suas informações?​

INSCREVER
close-link