Agora vai! Coreia do Sul alterará legislação para facilitar investimentos em Blockchain

1 Comente

Os reguladores da Coreia do Sul prometeram introduzir a legislação de investimentos em blockchain em uma reunião em 13 de julho, o mais recente capítulo de um esforço contínuo para promover a tecnologia nacionalmente.

Na 4ª Reunião Ministerial sobre “Crescimento através da Inovação”, presidida pelo vice-ministro de Estratégia e Finanças, Ko Hyoung-kwon, o governo prometeu tornar mais fácil para as empresas blockchain entrarem no mercado.

A fim de promover a criação de empregos e apoiar as tecnologias emergentes, o governo sul-coreano planeja “expandir a redução de impostos para novos investimentos em motores de crescimento e facilitar os requisitos para novos suportes tecnológicos, incluindo o suporte a investimentos em tecnologia blockchain”.

O redesenho do apoio a investimentos corporativos ocorre na mesma semana em que Seul apresentou projetos de lei também com o objetivo de desenvolver regras para as ICO’s (Ofertas Iniciais de Moedas) e especificar as obrigações legais de atores como as exchanges de criptografia.

A Coreia do Sul continuou a moldar seu cenário de criptomoeda ao longo de 2018, após a repercussão do início do ano sobre os regulamentos de criptomoeda do país, que resultaram em protestos públicos e na solicitação de que ministros renunciassem.

As exchanges de criptomoedas, em particular, sentiram o impacto da mudança na legislação, sendo exigida desde janeiro a pagar um imposto de renda local e corporativo de acordo com a política tributária do país, bem como a proibição estrita do comércio de entidades anônimas e estrangeiras.

Escreva um comentário

One Comment

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.