Agora é pra valer, Bitcoin ultrapassa os US$2000 e estabelece novo recorde de preço

Hoje o preço do bitcoin ultrapassou US$ 2.000 pela primeira vez na história, empurrando a criptomoeda para um novo recorde, em meio ao crescente interesse.

O preço da moeda subiu para 2,62% durante o dia, de acordo com seu índice de preços, atingindo uma alta de $2.019 dólares. Ao subir acima de US $ 2.000, o preço do bitcoin marcou uma alta de mais de 100% somente este ano e quase 125% desde que atingiu uma baixa de US$ 891,51 no final de março.

Altas esperanças

Arthur Hayes, co-fundador e CEO da plataforma de moeda digital BitMEX, disse que se os preços do Bitcoin superarem “de forma convincente” os US $2.000, “a taxa de apreciação de preços se acelerará dramaticamente”.

Charles Hayter, co-fundador e CEO da CryptoCompare, também argumentou sobre a importância deste nível de preço, dizendo:

“O bitcoin atingir US$ 2.000 é um marco importante e irá gerar mais interesse que com certeza irá aumentar o preço ainda mais.”

Falando do interesse, os analistas concordaram que a ascensão do bitcoin mais de $2.000 pode atrair a atenção de mais investidores. Haytes, afirmou que um aumento sustentado acima de US$ 2.000 faria a grande mídia financeira se interessar pelo Bitcoin.

Leia também  Aplicativo de aluguel de imóveis terá suporte para Bitcoin, Litecoin e Ethereum

O crescente interesse

O grande impulso para o acentuados ganhos de preços do bitcoin nos últimos meses é o crescente interesse dos traders, medido pelo volume de negócios nas principais exchanges. No início deste mês, tanto a Kraken como a Poloniex e Bittrex anunciaram que estavam passando por um aumento de volume de transações.

A Kraken indicou que em 5 de maio, o volume negociado em todos os ativos digitais ultrapassou os US$ 178 milhões, estabelecendo um recorde histórico e elevando o recorde anterior em 25%.

A Poloniex relatou problemas semelhantes, dizendo em uma declaração que:

“Nós nunca vimos tal entusiasmo em negociar tokens da blockchain como temos visto nos últimos meses. Desde janeiro, nós vimos um aumento de mais de 600% de traders ativos online e processamos 640% mais transações do que nós fizemos nos últimos quatro meses.”

Outro fator que ajudou a impulsionar os preços do bitcoin é a crescente influência do Japão no mercado de Bitcoin. O iene japonês é a maior moeda única sendo trocada por Bitcoin, representando mais de 45% do fluxo de dinheiro em bitcoin no momento da postagem, de acordo com dados CryptoCompare.

Leia também  Impasse na Índia: governo discute qual órgão irá regulamentar o Bitcoin

O dólar veio em um segundo relativamente distante, fazendo acima de aproximadamente 30% do dinheiro que flui em bitcoin, de acordo com dados adicionais da CryptoCompare.

Este aumento no uso do iene japonês vem depois que o Japão passou a reconhecer formalmente o bitcoin como um método legal de pagamento.

Receba notícias diárias sobre o Bitcoin e não fique de fora dessa revolução:
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Linkedin: https://www.linkedin.com/company-beta/16221556

Guia do Bitcoin

SBI Holdings: Ripple tem parceria de exclusividade com nova exchange japonesa

SBI Virtual Currencies, a exchange de criptomoedas da empresa de serviços financeiros japonesa SBI Holdings, anunciou que estará exclusivamente listando tokens Ripple (XRP) durante o seu período de lançamento. A…

0 Comentários

CoinBR realizará 2ª edição do evento Bitcoin Summit em São Paulo

No dia 30 de junho, a startup CoinBR realiza a 2ª edição do evento Bitcoin Summit, evento que irá apresentar as principais iniciativas de altcoins criadas após o Bitcoin e…

0 Comentários