África do Sul: Menino de 13 anos foi sequestrado, quadrilha exige pagamento de 15 bitcoins

0 Comentários

Os sequestradores de um de 13 anos na África do Sul exigiram resgate de 15 bitcoins (BTC) -cerca de US $ 120.000 – por sua libertação, informou o The Guardian.

A polícia local disse que no domingo, 20 de maio, três membros de uma pararam um carro perto de onde o adolescente estava, Kathlego Marite, estava brincando com dois amigos perto de sua casa na cidade de Witbank.

As testemunhas disseram que os homens o arrastaram para dentro do veículo, deixando a nota de resgate no local. Segundo relatos, a nota “não negociável” ameaça matar a criança se as exigências não forem atendidas, e o primeiro prazo para o é segunda-feira.

A mídia local conversou com o policial Leonard Hlathi, que disse a família está “passando por um trauma”:

“Eles nem sabem o que é esse . Eles estão arrasados.

O the Guardian relata que o caso é a primeira exigencia de resgate em criptomoedas na história do país.

 No ano passado, Pavel Lerner, gerente de uma empresa de câmbio, foi libertado após um resgate de US $ 1 milhão que foi pago em Bitcoin a uma quadrilha que o havia seqüestrado enquanto deixava seu escritório em Kiev, Ucrânia.

Nesse mesmo mês, o autor de um ataque a bomba na Alemanha enviou uma nota através da DHL solicitando um resgate de 10 milhões de euros em Bitcoin.

No Brasil ainda este ano um pastor “maluco” forjou seu proprio sequestro e exigiu dos fiéis o pagamento do resgate em Bitcoins. Ele foi preso. Veja aqui.

Leia também  Polícia indiana prende criminosos que usavam a Localbitcoins para atrair vítimas

Fonte

Guia do Bitcoin