Tecnologia Blockchain funciona e reduz custos: confira o relatório da indústria bancária japonesa

O grupo de estudo do , composto por quatro grandes empresas financeiras e de contabilidade, publicou hoje um relatório sobre como a tecnologia afetará sua indústria. A startup de local, bitFlyer, ajudou o grupo construindo um protótipo de transações interbancárias.

Imagem: Shutterstock
Imagem: Shutterstock

O grupo de estudo Blockchain () foi formado em dezembro de 2015. Ele inclui a Mizuho Financial Group, Inc., Sumitomo Mitsui Banking Corporation, o Mitsubishi UFJ Financial Group, Inc. e o Deloitte Tohmatsu Group. Todos são grandes players no setor financeiro do Japão.

Seu relatório, é intitulado de “Experimento Prático da Tecnologia Blockchain na Operação de Pagamentos Interbancários Domésticos Japoneses” menciona o bitcoin várias vezes. Ele examina como o setor financeiro japonês poderia alavancar uma tecnologia semelhante para permanecer competitivo os Estados Unidos e a Europa.

O CEO da BitFlyer, Yuzo Kano, um veterano do mundo tradicional bancário e financeiro, disse ao portal Bitcoin.com que sua empresa oferecia insights sobre algoritmos de consenso e conselhos práticos sobre aplicações de blocos reais.

“Temos um profundo conhecimento de algoritmos de consenso, que estamos pesquisando desde que a empresa foi fundada. Nós também estamos executando nossa troca de bitcoin com um sistema daemon/carteira digital, que construímos nós mesmos do 0 – a maioria das empresas blockchain não tem experiência a esse nível. Isso nos deu muitas idéias e conhecimentos.”

O BSG selecionou a bitFlyer entre vários candidatos, para construir um protótipo de blockchain para demonstrar a tecnologia.

Leia também  Bitmain lança pool de mineração open-source e melhora estabilidade da rede Bitcoin

Notavelmente, o grupo escolheu um algoritmo de consenso como um Hyperledger, sobre sistemas de criptografia populares como proof-of-work e proof-of-stake. Isso ocorre porque os dois primeiros acham um risco de ocorrer forks com a blockchain, afirma o relatório. No entanto, também registou uma preocupação de que uma falha de núcleo pode derrubar uma rede PBFT.

Tecnologia Blockchain reduz custos e pode ser aplicada a operações simples

blockchain-japao-reducao-de-custos-bancarios
Imagem: reprodução

O relatório encontrou o protótipo realizado sem grandes problemas. Os resultados também mostraram que a tecnologia blockchain reduz os custos. No entanto, ele lista algumas reservas com a aplicação de tecnologia blockchain fora da área de pagamentos simples.

O protótipo da BitFlyer atingiu 1.500 transações por segundo, o que a BSG considerou aceitável. O sistema de liquidação atual da indústria bancária japonesa Zengin tem um pico de 1.388. A Blockchain iria reduzir os custos da indústria em toda a linha. As economias viriam de uma menor necessidade de hardware e licenças de S.O, aplicações de middleware e manutenção.

Leia também  Loja online de bebidas passa a aceitar Bitcoin como forma de pagamento

No entanto, se recomendou pesquisas adicionais para decidir como isso poderia se expandir para acomodar outras funções. Contratos inteligentes poderiam cumpri-los, mas o grupo não os testou nesta experiência.

O BSG considera este relatório um primeiro passo. Ele continuará a analisar a tecnologia blockchain, dizendo que espera “muitas e repetidas experiências práticas no setor financeiro” que levarão a melhorias.

O relatório completo do grupo de estudo de Blockchain está disponível em inglês aqui.

Via: News Bitcoin
Adaptação e Tradução: Guia do Bitcoin

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *