Novo caixa eletrônico de Bitcoin é lançado no Sul de Minas

O ATM de fabricação nacional foi desenvolvido pela empresa brasileira BitVale e apresentada durante a última edição do evento Hacktown.

Desde a primeira menção, em 2008, a criptomoeda ganha cada vez mais notoriedade quando se trata de pagamentos feitos na internet. Em muitos países, como os Estados Unidos, por exemplo, é possível comprar um carro ou apartamento apenas usando a moeda digital. Para se ter uma ideia, na cotação de hoje, 1 bitcoin está avaliado em quase R$ 2 mil. Ainda assim, há muitas pessoas que desconhecem a existência de tal unidade monetária e mais: como gerenciá-la ou quais são os canais para adquiri-la.

bitcoin-caixa-atm-eletronico-bitcoin-brasil

Ao pensar em dinheiro, ainda não há como desassociá-lo completamente da imagem do . E, tratando-se de bancos, vários são os elementos ligados a ele. Há, por exemplo, um dos equipamentos mais práticos para quem deseja acessar a conta e utilizar os serviços ligados a ela: o eletrônico. Mas e no caso de bitcoin?

Leia também  Banco Central de Hong Kong testará a tecnologia por trás do Bitcoin

No Brasil, há apenas 1 que trabalha com moedas digitais e encontra-se na faculdade FIAP, no Campus Paulista, que foi a primeira universidade a receber um ou ATM de bitcoin. Com isso, universitários passaram a criar carteiras virtuais e sacar dinheiro sempre que necessitassem.

Para auxiliar os bancos a embarcar no mercado de moedas digitais, a OKI Brasil apresentou um ATM conceito no CIAB FEBRABAN 2016, que permitia o câmbio de moedas digitais, utilizando apenas a identificação do passaporte, permitindo pessoas de qualquer país realizarem a venda de bitcoins no caixa eletrônico.

Durante o evento Hacktwon realizado no mês de setembro deste ano, um histórico foi feito. A primeira máquina de ATM para bitcoin foi fabricada em solo tupiniquim pela empresa BitVale. Em meio à programação repleta de atividades e convidados o caixa eletrônico foi destaque.

Leia também  Restrições do Banco Central da Nigéria impulsionam o uso do Bitcoin no país

Caixa eletrônico & Dinheiro Digital

“O processo de compra é tão simples quanto poderia ser. O ATM possui uma tela única de vendas, ou seja, não é necessário passar por várias telas com etapas diferentes para se concluir a compra”, explica Guto Schiavon, sócio da FOXBIT, líder em negociações de bitcoin no Brasil.

Luiz Felipe Martins, fundador da BitVale comenta que “o ATM foi desenvolvido pensando na simplicidade e tem como objetivo facilitar o acesso ao bitcoin para pessoas que não tem total domínio ou facilidade em utilizar novas tecnologias”. Espera-se, com isso, que as pessoas se familiarizem cada vez mais com o uso da moeda, ajudando com que outros tipos de serviço sejam desenvolvidos. Martins ainda completa ao ressaltar que a BitVale “não é uma empresa de ATM’s”, mas sim “uma empresa que tem como objetivo o desenvolvimento de hardware com foco nas criptomoedas”.

Leia também  Primeiro caixa eletrônico para negociações em Bitcoin chega ao Brasil

Ao redor do mundo, o ATM de bitcoins já é realidade. Atualmente, América do Norte e Europa são os líderes de caixa eletrônicos. Possuem mais de mil máquinas fabricadas por diversas empresas.

Aqueles que têm interesse em adquirir uma ATM de bitcoin para o seu estabelecimento, fica a informação: a pré-venda e outros detalhes sobre o caixa eletrônico serão anunciadas no site da BitVale que irá ao ar em breve. Também há como entrar em contato pelo [email protected].

Via: Portal Terra

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *